Logística

Como a manutenção da frota influencia os indicadores de logística

27 de Julho de 2016 | por Equipe Benner

Estimativas da Anfavea - Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores, apontam que a frota brasileira de caminhões é de aproximadamente 1,6 milhão de veículos, com idade média de 15 anos. Além da idade média avançada, temos em muitos casos condições desfavoráveis de infraestrutura, o que aumenta o desgaste da frota pelas condições de operação.


Por isso, garantir a manutenção da frota em dia é de suma importância para aumentar sua disponibilidade a um menor custo e, por consequência, aumentar também a rentabilidade da empresa e a satisfação dos clientes. Isso porque a empresa consegue atender melhor a demanda do mercado, com frota sempre disponível para o trabalho, além de cumprir os prazos de entrega acordados. Os veículos quebram menos e rodam mais!


Mas para que processo de manutenção contribua para o bom desempenho dos indicadores de logística da sua transportadora, ele precisa ser organizado de forma a considerar dois aspectos indispensáveis. Confira.

#1 Manutenção Preventiva

O processo de manutenção preventiva da frota trata das revisões “de praxe” dos caminhões. Controlar a rotina dos veículos, necessidade de troca de peças, pneus, óleo, filtros, regulagem de freios, suspensão, entre outros. Seguir as indicações dos fabricantes e acompanhar as datas de vencimento de peças e lubrificação, por exemplo, permite a programação dos reparos e trocas com antecedência.


Ponto importantíssimo da manutenção preventiva da frota é a gestão da garantia das peças. Sua empresa não precisa comprar uma peça nova, caso ela esteja na garantia e esse controle rigoroso pode economizar uma boa verba.


Um processo organizado dessa forma, reduz a depreciação e aumenta a vida útil dos veículos, já que veículos com manutenção em dia são mais eficientes e econômicos. A gestão adequada das manutenções preventivas evitam situações como essas:


  • Um caminhão saiu para uma entrega com a documentação do veículo vencida. Após alguns dias de viagem, é parado em uma fiscalização. O veículo não foi apreendido, mas pela falta dos documentos, uma multa foi aplicada, o que aumentou o custo da operação.

  • Por conta da falta da troca do óleo, um determinado caminhão da frota teve problemas no motor. O motorista precisou ficar um dia parado em uma mecânica para resolver os problemas da falta da troca de óleo. Como resultado, houve atraso na entrega, impactando diretamente na qualidade do serviço prestado.

#2 Manutenção Corretiva

Embora o ideal seja que a oficina da sua transportadora esteja mais envolvida em manutenção preventiva, no caso de falhas mecânicas ou algum acidente, a manutenção corretiva vai aparecer.


Essa manutenção consiste em substituir peças ou componentes que se desgastaram ou falharam e que levaram seu caminhão a uma parada não programada, normalmente sem chance de planejamento e em caráter emergencial. O imprevisto pode exigir horas extras do time da manutenção, a contratação de terceiros (caso a falha ocorra durante uma viagem) e até a substituição do veículo na operação. Tudo isso aumenta os custos e geram desgastes entre as partes envolvidas.


  • Imagine um caminhão frigorífico que sofre uma parada repentina por quebra na suspensão. Isso, no meio de uma viagem, em local de difícil acesso a outro caminhão que o substitua para continuar a viagem. Ele transporta uma carga perecível e, por conta disso, seu prazo de entrega era apertado. Devido a esse problema, o tempo de espera foi longo demais, e comprometeu a carga transportada.

Por isso, embora a manutenção corretiva sempre poderá ocorrer, sua transportadora deve trabalhar para que seu número seja cada vez menor. Nos países de primeiro mundo, considera-se que a manutenção corretiva não planejada deve ficar restrita a, no máximo, 20% das manutenções.

Importante saber que, para um processo de manutenção organizado e controlado, sua transportadora pode (e deve!) buscar automação logística. Contar com um sistema de informação para logística que ofereça recursos para otimizar a gestão da manutenção e aumentar a eficiência e disponibilidade da sua frota.

cta-horizontal-benner-logistica-p3

Comente