Para facilitar o administrador a seguir as tendências de mercado de 2017 que estão sendo apresentadas aqui no blog, é necessário contar com a tecnologia. Nos últimos anos presenciamos inúmeras inovações onde a tecnologia é um dos grandes motivadores para que a tendência da Logística seguisse o rumo que vem tomando.

Uma das grandes contribuições da tecnologia é o crescimento na utilização de internet para compras de diferentes produtos ou serviços. A ampliação das compras online é um dos fatores responsáveis pelas mudanças sofridas na Logística de Transporte e nesse contexto, a tecnologia para otimizar o serviço logístico é considerada também uma tendência da Logística para facilitar o dia a dia.

O investimento em tecnologia é uma constante nas empresas e uma estratégia para fugir dos momentos de crise e recessão. Corroborando com essa informação, a companhia americana CA Technologies emitiu um relatório indicando que a receita das empresas brasileiras aumentaram 50% com o investimento em tecnologia.

O crescimento da receita de uma empresa está diretamente relacionada com seu aumento de produtividade não é mesmo? A Coopercarga, por exemplo, investiu em tecnologia para integrar seus processos. Toda essa integração lhe rendeu um aumento de 50% de produtividade, refletindo diretamente na lucratividade da empresa.

Tecnologia para otimizar o serviço

Para manter a competitividade de mercado e seguindo a tendência da Logística, é preciso entender sobre como a tecnologia pode ser parceira nesse processo. Confira abaixo alguns exemplos de como a tecnologia pode otimizar o serviço.

  •  Sistema de agendamento em portos: 56% de todo o transporte de carga do Brasil acontece via modal rodoviário. Para reduzir filas de caminhões nas entregas rodoviárias uma opção é trabalhar com o modal marítimo, por exemplo, mantendo agendamento de entregas com uma periodicidade que atenda os pedidos realizados. Para facilitar esse agendamento e controle de entregas, um sistema informatizado será a melhor solução pois será responsável por controlar em tempo real todas as movimentações e a localização de um contêiner. Desse modo os prazos poderão ser melhor delineados e a possibilidade de atrasos na entrega é muito menor pois, além do controle em tempo real, a probabilidade de “congestionamentos na estrada” diminui consideravelmente.
  • Compartilhamento de ativos: recentemente falamos sobre a logística reversa e como é importante atender aos clientes em situações de retornos de mercadoria. Muitas vezes para que esse processo seja ágil é preciso inovar e mais uma vez a tecnologia irá suportar essa necessidade: por meio de aplicativos com o Uber, por exemplo, o consumidor pode devolver a mercadoria sem sair de casa ou afetar sua rotina. Além disso, uma compra  pode ter armazenado o produto próximo da residência do consumidor. Por que não utilizar serviço como táxi ou Uber para essa entrega? Com certeza o produto chegará mais rápido ao consumidor e essa agilidade o deixará bem satisfeito e fiel à sua empresa.
  •  Maior integração entre as áreas da logística: quando uma transportadora opta por utilizar um sistema automatizado o objetivo é aumentar a agilidade de processos, certo? Para uma empresa de transporte que atende ao varejo online não é diferente. Agora imagine o quão demorado seria o processo se a loja de varejo online e o sistema da transportadora fossem independentes: o cliente faz uma compra na internet, a loja recebe o pedido e envia um email para a transportadora com a solicitação de compra; então o receptor da mensagem inclui o pedido no sistema; e, finalmente, a entrega da mercadoria ‘entra na fila’. Processo moroso não? Antes de optar por um sistema para automatizar as tarefas de sua empresa, verifique se o software possui EDI (Electronic Data Interchange) para integrar diferentes plataformas e sistemas.
  • Uso intensivo da internet: toda a tecnologia a que se tem acesso hoje proporciona um aumento cada vez mais significativo na utilização de internet. O acesso à rede não é feito somente por meio de computadores ou notebooks: com smartphones, e tablets e seus aplicativos cada vez mais atualizados, o acesso às informações tornou-se mais rápido e fácil. A possibilidade de armazenar informações na nuvem, por exemplo, e acessá-la de diferentes locais, proporciona à uma empresa menos investimento em infraestrutura de hardware e mais investimentos em software. Mostrando mais uma vez que a tecnologia é uma tendência da Logística e deve ser atualizada para acompanhar o mercado.

Quer continuar atualizado e competitivo no mercado de logística de transporte? Então faça investimentos em tecnologia, otimize as atividades de sua empresa e a mantenha firme nos negócios.

Com investimento em tecnologia para otimizar o serviço enquanto parceira de negócios e vendas de varejo online, certamente suas possibilidades de manter e elevar o nível de satisfação dos clientes atuais e também de conquistar novos contratos irão aumentar!

Antes de tomar sua decisão sobre qual solução tecnológica é melhor para o seu negócio de logística de transporte, conheça todas as possibilidades oferecidas pelo software da Benner.

cta-horizontal-benner-logistica-p3